Terça-feira, 12 de Janeiro de 2010

SORTILÉGIO DO FUTEBOL

 

    Como é sabido o Futebol é um Desporto, ou Industria, como agora gostam de lhe chamar, que arrasta multidões.

 

    Qual a razão porque milhares de pessoas em todo o mundo com formação académica diferente, com níveis sócio económicos diferenciados, com motivações politicas, religiosas e culturais  diferentes, convergem para um mesmo local, a uma mesma hora, onde em condições de segurança por vezes duvidosa, e na maioria dos casos  sem quaisquer condições de conforto , a que se deve acrescentar ainda os problemas relacionados com o transporte e/ ou estacionamento,  para ver um desafio de futebol? 

 

    A nosso ver essa razão chama-se sortilégio do futebol  que consiste nos momentos de encantamento que proporciona, e no facto de, como dizem por vezes alguns dos intervenientes, até ao apito final do árbitro, tudo poder acontecer.

 

   Existem ao longo dos tempos inúmeros casos que poderiam ilustrar esta afirmação, mas ficamos apenas por dois acontecimentos recentes, que por serem pouco vulgares, realçam o acima exposto.

 

   No jogo FCPorto contra o União de Leiria, já em período de descontos um jogador deste Clube falha a marcação de uma grande penalidade. Ou se quisermos o guarda-redes defende, o que para o caso é indiferente.

 

   Caso tivesse sido consumado o golo, o resultado seria um empate, com a perda de dois pontos pelo FCPorto, e o aumento de dificuldades na sua luta pela conquista da Liga, pois o seu atraso pontual para os actuais lideres passaria para 6 pontos.

                           Festa para uns,  frustração para outros.

 

   No jogo inaugural do Can 2010, a selecção de Angola vencia por quatro a zero, quando faltavam 12 minutos para o final do jogo. Pois neste espaço de tempo, mais uns minutinhos de prolongamento a selecção do Mali empatou o jogo, o que levou Manuel José a afirmar que  em "trinta e dois anos de carreira de treinador nunca lhe tinha sucedido nada assim".           A frustação de uns é a alegria de outros.

 

   É pois o sortilégio, que mantém vivo o futebol, apesar dos apitos de todas as cores, dos abutres e outras aves de arribação que contribuem para a sua perda de credibilidade.                            Viva o Futebol.

 

 

 

 

publicado por Lanzas às 18:24

link do post | comentar | favorito

EM DESACORDO

Janeiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

JE SUIS CHARLIE

QUANDO NÃO ERA FIXE FALAR...

Marcelo, Santana e o Cand...

Marcelo, Passos e o Candi...

DIREITOS DOS ANIMAIS ...

O ORÇAMENTO DO NOSSO DESC...

CLARA FERREIRA ALVES

CHOVE EM LISBOA

A FISCALIZAÇÃO SUCESSIVA ...

SUPONHAMOS

arquivos

Janeiro 2015

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Procurar no blog

 

links

blogs SAPO

subscrever feeds

blogs SAPO

tags

todas as tags