Segunda-feira, 31 de Janeiro de 2011

CONTORCIONISMO POLÍTICO ...

    ... É matéria na qual em Portugal atingimos o céu.

   Reunido em comissão nacional o PS fez a leitura, transmitida através do seu Porta-voz com a maior das naturalidades, que a vitória de Cavaco Silva nas ultimas eleições presidenciais "mostra um forte sentimento de estabilidade política na sociedade portuguesa", que é também um desejo de "estabilidade política ao nível do Governo", acrescentando que a vitória do actual Presidente da República em detrimento do candidato apoiado pelo PS, Manuel Alegre, significa que foram "frustradas as perspectivas dos que viam nestas eleições uma mudança de ciclo político na governação".

   Melhor só o PCP quando decidiu em congresso extraordinário de ultima hora apoiar Mário Soares na segunda volta das eleições contra Freitas do Amaral, aconselhando os seus militantes a taparem a cara do dito, para melhor poderem engolir o sapo. 

   Depois de tudo o que foi afirmado durante a campanha eleitoral do seu meio candidato, que aliás Maomé não desdenharia ter dito do toucinho, por dirigentes do Partido e membros do Governo, nomeadamente através do “Malhador”, o homem sempre disponível para malhar em nome do Chefe  sem que este se comprometa, estas afirmações ajudam à descredibilização não apenas de quem as subscreve, mas da classe política em geral.

   Não é por acaso que os políticos são aqueles em quem menos confiam os portugueses.

   Pudera com gente desta.

 

Post 221

Estado de Alma: Incrédulo
Livro: Morte de Portuigal
publicado por Lanzas às 11:45

link do post | comentar | favorito
Sábado, 29 de Janeiro de 2011

É A AUTONOMIA, ESTUPIDO

 

Post 220   (Os Manos XIV)

Estado de Alma: Autónomo
publicado por Lanzas às 10:16

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 28 de Janeiro de 2011

AINDA A DEMISSÃO DO SENHOR MINISTRO DA ADMINISTRAÇÃO INTERNA

   O Primeiro-Ministro embora tendo reconhecido hoje que o se passou no domingo das eleições presidenciais "foi lamentável", defendeu que é preciso esperar pelos resultados do inquérito em curso para se saber o que se passou; justificação aliás já utilizada pelo Ministro da Administração Interna Rui Pereira, para não ter deferido os pedidos de demissão apresentados pelos Directores-Gerais da Administração Interna e da Administração Eleitoral, tendo remetido essa decisão "para o momento da conclusão do inquérito".

   Ora sendo importante averiguar o que se passou, e porque se passou, principalmente, depois de se julgar saber que os dois Directores-Gerais que pediram a demissão, tinham solicitado verbas suplementares para enviar cartas com os dados de eleitor a todos os titulares do cartão de cidadão, tinha sido mais importante que o Senhor Ministro num acto de humildade democrática e dignidade política tivesse de imediato assumido a responsabilidade política do sucedido e pedido a demissão.

   Não o tendo feito, deveria ter sido demitido pelo senhor Primeiro Ministro, que todavia desmentiu ter sido recusada a atribuição de verbas à Administração Eleitoral de forma a esta poder informar atempadamente os cidadãos, e não esconderem-se ambos atrás da própria sombra para ver se passam de fininho entre os pingos da chuva.

   É feio meus senhores.

 

Post 219

Estado de Alma: Admirado
Livro: Guia dos Conceitos Básicos
publicado por Lanzas às 18:00

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 27 de Janeiro de 2011

SUBMARINO(S) AO FUNDO

 

 

Post: 218  (Os Manos XIII)

Estado de Alma: Afundado
publicado por Lanzas às 13:55

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 26 de Janeiro de 2011

ESTÁ DESCULPADO SENHOR MINISTRO

 (AGORA PEÇA A DEMISSÃO)

 

   A propósito das falhas  verificadas no dia das eleições presidenciais, o Ministro da Administração Interna, Dr. Rui Pereira, afirmou ontem na Comissão Parlamentar de Assuntos Constitucionais, que “independentemente da dimensão do fenómeno é algo que nos penaliza e que consideramos extremamente grave. E por isso, na primeira oportunidade de me dirigir publicamente aos eleitores, quero pedir aqui desculpa pelo sucedido como responsável máximo pela administração eleitoral”.

   A partir desta declaração, independentemente dos inquéritos, das declarações de intenção, e de tudo o que se quiser, só havia um caminho de dignidade e de respeito pela Democracia a seguir: Pedir a demissão.

   Claro que não é o responsável directo pelo sucedido, mas é o responsável politico e daí deveria tirar as consequências, sem apelo nem agravo.

   E teria um bom exemplo para se inspirar, o do Dr. Jorge Coelho, quando da queda da ponte de Entre Rios, de tão má memória.

   A política para ser levada a sério obriga que quem governa mantenha permanentemente  comportamentos éticos elevados, para que quem é governado sinta que o é por quem tem, no mínimo, respeito por si próprio e pelos outros.

   Ao não pedir a demissão, o que só o dignificaria, revela precisamente falta de respeito por todos os portugueses, e particularmente por aqueles que não puderam votar.

   Ainda vai a tempo Senhor Ministro.

 

Post 217

Estado de Alma: Demitido
Livro: Histórias Rocambolescas da História de Portugal
publicado por Lanzas às 09:43

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 25 de Janeiro de 2011

PAZ À SUA ALMA

 

Post 216   (Os Manos XII)

Estado de Alma: Embalsamado
publicado por Lanzas às 15:15

link do post | comentar | favorito

A FÓRMULA DA VITÓRIA (Y=18,579+0,578*X1+12,317*X2)

   Na edição de 4 de Dezembro último, o Jornal Expressso  publicou a fórmula matemática acima reproduzida, a qual de acordo com os autores permitia concluir que o resultado de Cavaco Silva nas eleições presidenciais de Domingo seria de 53,393%.

   Conhecidos os resultados, verifica-se que mais certeiro não podia ter sido o tiro.

   Os autores da fórmula Luis Aguiar Conraria, professor de economia na Universidade do Minho, e Pedro Magalhães, politólogo e investigador do Instituto de Ciencias Sociais, estão no blogue "a destreza das dúvidas" http://aguiarconraria.blogsome.com

   Merecem acompanhamento permanente e parabéns pelo feito.

 

Post 215

 

Estado de Alma: Matemático
Livro: O Último Teorema de Femat
publicado por Lanzas às 09:47

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 24 de Janeiro de 2011

O CARTÃO DE CIDADÃO E O ELEITOR

 

Post 214  (Os Manos XI)

Estado de Alma: Em branco
publicado por Lanzas às 14:30

link do post | comentar | favorito

O PERDEDOR

   Assistimos ontem em directo na televisão a um dos gestos mais antidemocráticos após o 25 de Abril de 1974.

   Um dos ex-candidatos à Presidência da Republica, por acaso o que ficou em último lugar, afirmou em directo nos seus últimos cinco minutos de glória que não cumprimentava o vencedor.

   Para além da enorme falta de educação que tal gesto representa, é uma manifestação de intolerância fazendo-nos lembrar outros tempos ou outros lugares.

   Pelo facto de ser uma figura local, era importante que em qualquer circunstância o perdedor fizesse a pedagogia da tolerância democrática, do bom senso, em suma de uma  forma correcta de estar na vida, mesmo perante aqueles de quem podemos discordar, com ou sem razão.

   Apesar de em todo o tempo de antena que teve ao seu dispor durante a campanha eleitoral não ter apresentado um único tema com interesse para os portugueses em geral, e se ter confinado a um ataque pessoal sem nexo, não era  previsível que levasse tão longe a sua arrogância.

   E como dizem os portugueses o que é demais cheira mal.

   Se tem provas concretas de casos condenáveis que mereçam ser investigados, tem ao seu dispor todos os meios legais. Força.

   Se não tem e  se se tratou de uma mera vingança pessoal é triste. E ficamos todos mais pobres.

   Começando pelo perdedor. 

 

Post 213

Estado de Alma: Mau perdedor
Livro: A Lei de Murphy
publicado por Lanzas às 11:40

link do post | comentar | favorito
Domingo, 23 de Janeiro de 2011

HABEMUS PAPAM

 

 

Post: 212 (Os Manos X)

Estado de Alma: Esperançado
Livro: Atravessar o Limiar da Esperança
publicado por Lanzas às 20:15

link do post | comentar | favorito

EM DESACORDO

Janeiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

JE SUIS CHARLIE

QUANDO NÃO ERA FIXE FALAR...

Marcelo, Santana e o Cand...

Marcelo, Passos e o Candi...

DIREITOS DOS ANIMAIS ...

O ORÇAMENTO DO NOSSO DESC...

CLARA FERREIRA ALVES

CHOVE EM LISBOA

A FISCALIZAÇÃO SUCESSIVA ...

SUPONHAMOS

arquivos

Janeiro 2015

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Procurar no blog

 

links

blogs SAPO

subscrever feeds

blogs SAPO

tags

todas as tags