Segunda-feira, 11 de Abril de 2011

TEIXEIRA DOS SANTOS E JOSÉ SÓCRATES

DE CANDEIAS ÀS AVESSAS ?

   É de absoluto desnorte o clima emocional que se vive no seio do Partido Socialista. Num Congresso que deveria servir para um sereno debate de ideias internas, para clarificação de pontos de vista contraditórios, que são conhecidos, entre correntes internas de opinião e para a apresentação de ideias que ajudassem a apontar um caminho aos portugueses, nada disto se verificou.

   Como alternativa foi escolhido o discurso recorrente de apontar  culpas à oposição, como se fosse esta que tivesse governado nos últimos seis anos, às forças ocultas, leia-se Presidente da Republica, e a assistiu-se a uma falsa união em torno de um líder que sendo um bom comunicador, esgota as suas capacidades nisso mesmo, conforme salientou em tempos João Salgueiro. 

   Por outro lado as opiniões divergentes entre Ministros, e entre estes e o Primeiro ministro são manifestas sobre a oportunidade de conjugar esforços com outros partidos para encontrar soluções que visem salvar Portugal de uma crise que ameaça arrastar-se por décadas. Apontemos um só exemplo elucidativo: 

   Na última sexta feira à saída de uma sessão do Conselho de Ministros das Finanças, Teixeira dos Santos declarou: “O Banco Central Europeu, a Comissão Europeia e o Fundo Monetário Internacional terão que negociar com o Governo e terão que envolver nessa negociação os principais partidos. Mas chamo a atenção que quem tem que negociar com a oposição não é o Governo, são as partes envolvidas do lado europeu. Essa não é uma responsabilidade do Governo”, afirmando ainda não ser rigoroso dizer-se que a ajuda será de 80 mil milhões de euros, e que espera que o Presidente da República Cavaco Silva ajude a criar o ambiente propicio ao processo negocial que agora vai começar. Na mesma linha de raciocínio tinha dito ago de parecido em entrevista televisiva, quando afirmou peremptório que o Governo, por estar em gestão, não podia pedir ajuda externa, sendo que a única entidade que o poderia fazer era o Presidente Republica. Porém 3 ou 4 dias depois, ao almoço com José Sócrates e entre duas colheres de sopa, mandou vir o FEEF, o FMI e  o  BCE. 

   Para quem estivesse mais desatento a ouvir Teixeira do Santos poderia até parecer que Portugal estava a fazer um favor aquelas entidades e que éramos nós que lhes íamos emprestar dinheiro para salvá-los da bancarrota.

   Que mau feitio que o homem tem, meu Deus.

   Pela sua parte, José Sócrates, perante a crua realidade da nossa incapacidade de resolvermos sozinhos os nossos problemas, afirmou no Congresso do PS que “o Governo assumirá a responsabilidade de liderar as negociações com as instituições europeias sobre o programa de assistência financeira, de modo a que o país não corra riscos no financiamento do Estado, do sistema bancário e da economia”.

   “O momento exige elevação política e sentido de Estado”, acrescentou.

   Será o que tem faltado a Teixeira dos Santos ?

 

{#emotions_dlg.chat}Post 295

Estado de Alma: Perplexo
Livro: Economia Portuguesa
publicado por Lanzas às 14:45

link do post | comentar | favorito

EM DESACORDO

Janeiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

JE SUIS CHARLIE

QUANDO NÃO ERA FIXE FALAR...

Marcelo, Santana e o Cand...

Marcelo, Passos e o Candi...

DIREITOS DOS ANIMAIS ...

O ORÇAMENTO DO NOSSO DESC...

CLARA FERREIRA ALVES

CHOVE EM LISBOA

A FISCALIZAÇÃO SUCESSIVA ...

SUPONHAMOS

arquivos

Janeiro 2015

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Procurar no blog

 

links

blogs SAPO

subscrever feeds

blogs SAPO

tags

todas as tags