Sexta-feira, 17 de Junho de 2011

A ELEIÇÃO DO PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA DA REPUBLICA

   Relativamente ao Presidente da Assembleia da Republica, segunda figura da hierarquia do Estado, não temos nenhuma posição fundamentalista, nem a de que se trata de um lugar da maior importância para o funcionamento das instituições, nem a daqueles que consideram tratar-se de um lugar sem qualquer relevância no panorama político, considerando o detentor do lugar uma mera figura decorativa.

   Situamo-nos a meio caminho, considerando tratar-se de um lugar de representação do Estado, que dirige aquilo a que se poderia designar da Casa da Democracia, se tudo o que fosse verdadeiramente importante a nível político para o País fosse ali tratado, o que como se sabe manifestamente não é o caso, pois os grupos parlamentares na sua generalidade não têm vontade nem iniciativa próprias, tratando-se de meras correias de transmissão da direcções do partidos. De todos os Partidos. 

   Por mero tacticismo o PSD antes da campanha eleitoral convidou o Dr. Fernando Nobre para integrar as suas listas, como independente, e na expectativa que este fosse uma mais valia eleitoral convidou-o para  Presidente da Assembleia da Republica, provavelmente convicto de conseguir uma maioria absoluta que garantirtia este desiderato. O CDS na altura com a fasquia eleitoral demasiado elevada e com expectativas de conseguir um resultado bem superior ao verificado colocou de imediato fora de questão colaborar nessa eleição, considerando que o candidato não reunia condições para o lugar. Candidato esse que diga-se em abono da verdade, pese o seu prestigio internacional e a obra meritória realizada, ajudou a desqualificar-se ao afirmar que se não fosse eleito Presidente não ocuparia o seu lugar de Deputado. As rectificações posteriores do próprio e do PSD não podiam alterar o que dito estava.

   Perante este extremar de posições e daquilo que cada partido se  havia comprometido, a fórmula encontrada foi a de deixar de fora dos Acordos, políticos e programáticos, celebrados entre o PSD e o CDS a questão da eleição de do Dr. Fernando Nobre, o que parece acertado.

    Aqui chegados vamos desembocar na eleição do próximo Presidente da Assembleia da Republica, que se vai verificar na próxima segunda feira.

   Cada partido  reafirmou já a sua posição sem ter perdido a face. Porém dado que a eleição que se vai realizar é efectuada por voto secreto dos Deputados, seria um sinal político importante e um sinal de que ambos partidos têm a capacidade de se superar na procura de desbravar caminhos verdadeiramente importantes para os interesses do País, se tivessem a capacidade de ultrapassar esta questão, elegendo à primeira volta o Dr. Fernando Nobre.

   Dizemos agora aquilo que já dissemos a propósito de Pedro Passos Coelho, a experiência é uma coisa que se adquire com a prática e não há mal de maior quando não se tem essa valência, mas se possui um conjunto de requisitos fundamentais.

   E esses manifestamente o candidato tem-nos. Vivência, mundo, cultura, formação.

   Digamos que para o Mundo a eleição de Fernando Nobre era um sinal de maioridade, eleger um intelectual solidário com os mais desfavorecidos.

   O resto são detalhes.

 

{#emotions_dlg.chat}Post 353 

Estado de Alma: Confiante
Livro: Com a Morte na Alma
publicado por Lanzas às 18:17

link do post | comentar | favorito

EM DESACORDO

Janeiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

JE SUIS CHARLIE

QUANDO NÃO ERA FIXE FALAR...

Marcelo, Santana e o Cand...

Marcelo, Passos e o Candi...

DIREITOS DOS ANIMAIS ...

O ORÇAMENTO DO NOSSO DESC...

CLARA FERREIRA ALVES

CHOVE EM LISBOA

A FISCALIZAÇÃO SUCESSIVA ...

SUPONHAMOS

arquivos

Janeiro 2015

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Procurar no blog

 

links

blogs SAPO

subscrever feeds

blogs SAPO

tags

todas as tags