Sexta-feira, 8 de Julho de 2011

O BOM EXEMPLO DO BCE

   Não tem qualquer carácter especulativo afirmar-se que as Agências de Rating Americanas (Todas elas sem excepção) são instrumentos ao serviço dos especuladores, com a agravante de terem interesses directos nas consequências que as suas notações ocasionam.

   E ainda por cima são pagas por isso. E muito bem pagas.

   Mas ao contrário de opiniões que temos visto expressas não são estas Agências as principais culpadas dos verdadeiros tsunamis financeiros que tem ocasionado por esse mundo fora, mas sim as Instituições que fazem das notações destas Agências uma verdadeira Bíblia, as quais são tidas  como um instrumento indispensável para a "segurança" de todas as operações em que participam, num estranho imobilismo, digamos mesmo numa cumplicidade criminosa.

   Num mercado livre, e sem constrangimentos de qualquer ordem, quando a qualidade dos prestadores de serviços é má, como é manifestamente o caso, recorre-se a esse mesmo mercado para encontrar quem seja mais fiável, quem preste um melhor serviço, com mais qualidade e se possível mais barato, não se percebendo pois a posição assumida por exemplo pela UE, que se tem limitado a umas críticas piedosas, para que tudo continue na mesma. Isto é as Agências de Rating a produzir notações sem qualquer credibilidade.

   Saúde-se pois a posição agora assumida pelo BCE de não levar em conta as notações agora atribuídas pela Moody´s a Portugal, como tinha já feito aliás em relação à Grécia e à Irlanda. Trata-se de uma verdadeira pedrada no charco, a qual merece ser devidamente louvada, e uma enorme desautorização pública para quem tem particulares responsabilidades no eclodir da chamada crise financeira internacional e cuja actividade, mais do que duvidosa, está inclusive a merecer a atenção das autoridades americanas na matéria.

   Se a decisão do BCE for desta vez acompanhada por decisões idênticas de outras Instituições, recorrendo se necessário a diferentes critérios de avaliação objectivos, até que seja possível utilizar os serviços de uma, ou mais do que uma, Agência de Rating Europeia, então o caminho para a recuperação económica da Zona Euro pode ter começado ontem.

 

{#emotions_dlg.chat}Post 367

Estado de Alma: Anotado
Livro: 2012 - Ano do Apocalipse
publicado por Lanzas às 10:59

link do post | comentar | favorito

EM DESACORDO

Janeiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

JE SUIS CHARLIE

QUANDO NÃO ERA FIXE FALAR...

Marcelo, Santana e o Cand...

Marcelo, Passos e o Candi...

DIREITOS DOS ANIMAIS ...

O ORÇAMENTO DO NOSSO DESC...

CLARA FERREIRA ALVES

CHOVE EM LISBOA

A FISCALIZAÇÃO SUCESSIVA ...

SUPONHAMOS

arquivos

Janeiro 2015

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Procurar no blog

 

links

blogs SAPO

subscrever feeds

blogs SAPO

tags

todas as tags